Rentabilidade nos postos de combustíveis: aprenda a calcular e melhorar os resultados!

O retorno sobre um investimento não é uma garantia, uma vez que uma ideia lucrativa pode não compensar devido a um alto valor inicial ou por apresentar resultados inferiores ao esperado em relação ao que foi aplicado para viabilizá-la. Mesmo no ramo de combustíveis isso pode acontecer. Assim, é preciso dar atenção à rentabilidade nos postos de combustíveis. 

Se você tem dúvidas e quer saber como calcular esse índice, bem como o que fazer para melhorá-lo, este artigo será de grande ajuda. Vamos responder a essas e outras perguntas para que seu posto possa ter mais sucesso. Não perca!

Por que é importante calcular a rentabilidade nos postos de combustíveis?

Um negócio só é viável se seu desempenho compensar o investimento necessário para seu funcionamento. Em postos de combustíveis, há diversos fatores que podem influenciar os resultados. Se por um lado vendem produtos essenciais, por outro, existem variações no mercado e na cadeia de fornecimento.

De tal maneira que a rentabilidade, como indicador utilizado para auferir o retorno do investimento, precisa ser acompanhada. Nesse sentido, a importância dessa métrica está em permitir determinar se o custo do empreendimento valeu a pena.

Qual é a diferença entre rentabilidade e lucratividade?

Muitas vezes, a rentabilidade é confundida com a lucratividade. Embora parecidos, esses indicadores não são iguais. Enquanto a rentabilidade trata do resultado em relação ao investimento, a lucratividade se refere ao lucro em um determinado período. Ou seja, um negócio lucrativo pode não ser rentável. 

Como o cálculo da rentabilidade deve ser feito?

Esse cálculo é muito simples. Para tanto, é preciso saber o lucro líquido do posto de combustíveis no período e o valor do investimento realizado até o momento. Ou seja, nesse último deve-se somar todos os valores que foram aplicados para viabilizar o negócio desde o início. 

A fórmula a ser usada é: Rentabilidade = (Lucro Líquido / Investimento Total) X 100. Na qual, além dos valores que já indicamos, aplica-se uma multiplicação por 100, pois o resultado deve ser em percentual. Quanto mais próximo de 100%, melhor é a rentabilidade da empresa. 

Como aumentar a rentabilidade nos postos de combustíveis?

Apesar de uma rentabilidade baixa significar a necessidade de atenção, ainda não é hora de desistir. Afinal, já houve um investimento. Nesse caso, é importante tomar algumas ações que podem melhorar o lucro. Por exemplo:

  • ampliar o mix de produtos e serviços oferecidos, atraindo mais clientes e aumentando o valor do ticket médio;
  • conhecer o público-alvo, para otimizar marketing, atendimento e o processo de decisão;
  • realizar uma precificação adequada, de acordo com mercado e com os custos, garantindo a geração de lucro;
  • reduzir custos para melhorar a margem de lucro;
  • diversificar as formas de pagamento, aumentando a base de potenciais consumidores;
  • oferecer um programa de fidelidade, ampliando a taxa de recompra.

A rentabilidade nos postos de combustíveis precisa ser acompanhada. Assegurando, assim, que o investimento realmente valeu a pena ou permitindo agir para chegar lá. Diante disso, colocar nossas dicas em prática é a melhor forma para tornar o negócio mais competitivo.

Pensa em investir em postos de combustíveis? Para você saber mais sobre esse ramo, siga os nossos perfis. Estamos no Facebook, Instagram, Flicker e YouTube.

Gostou do texto?

Receba tudo no seu email! Prometemos não enviar spam!

Confira também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X Cadastre-se Faça seu cadastro e receba no seu email tudo sobre marketing digital! Não enviaremos spam!